Cássio valoriza disciplina no Carnaval após vitória sobre o São Paulo

O primeiro Majestoso da história da Copa Libertadores foi disputado na Quarta-Feira de Cinzas. Após o triunfo por 2 a 0 sobre o São Paulo em Itaquera, o goleiro corintiano Cássio valorizou o comportamento do elenco durante o feriado de Carnaval.

“Na folga, todo o mundo se cuidou e voltou bem, porque sabia que teria uma partida importante contra o São Paulo. Funcionou e vencemos o jogo. Nos clássicos, é erro zero. Conseguimos fazer o que o professor Tite pediu”, afirmou o goleiro.

Cássio passou uma noite tranquila em Itaquera e praticamente não foi exigido durante todo o clássico diante do São Paulo. Ele admitiu a surpresa com a inoperância do ataque comandado pelo experiente Luis Fabiano, e tratou de elogiar a atuação da própria equipe.

“O time se postou muito bem e conseguiu neutralizar o São Paulo em alguns momentos. Taticamente, fizemos uma grande partida não só na defesa. O Corinthians soube como se defender e, quando teve a chance, atacou para definir o jogo”, declarou.

O meia Danilo, improvisado como centroavante na partida diante do São Paulo, também aprovou a performance da equipe. A eficiência demonstrada diante do rival tricolor é fundamental para sonhar alto na Copa Libertadores, afirmou experiente jogador, campeão das edições de 2005 e 2012.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Alguns corintianos curtiram os desfiles de Carnaval, mas souberam se comportar, garantiu o goleiro Cássio

“Para ganhar Libertadores, precisa jogar assim, dentro e fora de casa. Dar poucas chances para o adversário e aproveitar as que aparecem. O Corinthians foi perfeito taticamente, tanto que o Luis Fabiano não teve oportunidades claras. Ganhar um clássico dá moral e agora temos que nos preparar para os jogos fora de casa”, afirmou.

Renato Augusto, por sua vez, elogiou a disposição do elenco em geral, inclusive do veterano meia. “O Sheik foi atrás do lateral, o Jadson correu, o Danilo voltou. Essa é a força de uma equipe que joga em grupo. A doação de cada um é o fator principal para vencer. Foi como um jogo de xadrez e aproveitamos as nossas chances”, declarou.

O próximo compromisso do Corinthians na Copa Libertadores é contra o San Lorenzo, no dia 4 de março, em Buenos Aires – punido pela Conmebol, o time argentino será obrigado a jogar sem torcida. Neste domingo, pelo Campeonato Paulista, a equipe alvinegra enfrenta o Ituano, como visitante.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também