Presidente do São Paulo quer implantar setor de torcida mista contra Timão

O duelo de volta contra o Corinthians, na última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América, já é projetado por Carlos Miguel Aidar. Para o confronto no Morumbi, que pode ter contornos decisivos, o presidente do São Paulo expôs o desejo de implantar um setor de torcida mista, a exemplo do Internacional, que adotou tal medida para o clássico contra o Grêmio, neste domingo, no Beira-Rio.

“Vou criar um espaço comunitário. Quero ver cidadão com a camisa do Corinthians ao lado de torcedores do São Paulo, dentro do Morumbi, a exemplo do que fez o Internacional. Precisamos dar esse exemplo aos outros clubes de futebol”, revelou o mandatário, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Quando questionado sobre a logística do duelo de ida, em Itaquera, quando a formação do Morumbi acabou derrotada por 2 a 0, Aidar minimizou a dificuldade de locomoção dos torcedores tricolores – que obrigou a diretoria a bancar 28 ônibus para realizar o trajeto da zona leste de São Paulo ao centro da capital – e exaltou o clima de paz após o jogo.

Fernando Dantas/Gazeta Press

O desejo de Aidar é misturar são-paulinos e corintianos em um setor no Morumbi: “Precisamos dar exemplo”

“Não tivemos briga e agressões, absolutamente nada. Nosso apoio foi para o torcedor são-paulino, independentemente de ser sócio ou organizado. É uma assistência de segurança pública. Fizemos um favor ao Estado”, ressaltou.

O duelo contra o Corinthians está agendado para o dia 22 de abril, às 22 horas (de Brasília). O grupo 2 da Copa Libertadores da América também conta com San Lorenzo-ARG, atual campeão, e Danubio-URU, próximo adversário tricolor, em partida marcada para quarta-feira.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também