Corinthians libera Petros para fazer exames médicos no Betis

O Corinthians aceitou proposta do Real Betis e deu o último passo para formalizar a saída de Petros. O jogador foi liberado para fazer exames médicos no clube espanhol e acerta contrato com sua nova equipe.

Dono de metade dos direitos econômicos do baiano, o Corinthians tem uma dívida de R$ 6 milhões com seu empresário, Fernando Garcia. O valor era justamente o que a diretoria pedia aos interessados no atleta, motivo pelo qual não rendeu frutos a investida do Flamengo.

O volante chegou ao Timão no ano passado e tinha contrato até 31 de maio de 2018. Mesmo em negociação, foi titular na derrota para o Santos, no último sábado, na Vila Belmiro, em partida que deve ter sido a sua última pelo Corinthians.

Fernando Dantas/Gazeta Press

O Corinthians do gerente de futebol Edu Gaspar liberou Petros para fazer exames e assinar com Betis

O clube alvinegro também liberou Fábio Santos para fazer exames médicos no Cruz Azul, do México. O vínculo do lateral esquerdo expiraria no final do ano, mas só o fato de não precisar mais pagar os seus salários até lá já serviu de alívio para o clube paulista.

Para a vaga de Fábio Santos, Uendel é o escolhido, mas a saída de Petros traz problemas para o jogo de sábado, contra o Figueirense, em Itaquera. Além dele, Tite não poderá escalar no meio-campo Elias, que está com a Seleção Brasileira, Ralf, suspenso, e Cristian, machucado.

Existe uma possibilidade de Bruno Henrique se recuperar de lesão, mas é possível que o treinador seja obrigado a promover a estreia do jovem volante Marciel, destaque do Corinthains campeão na última Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também