Diretoria do Corinthians encaminha saída de Petros e chegada de Rildo

O Corinthians deverá confirmar até o meio da semana duas negociações muito bem encaminhadas. O empresário do meio-campista Petros foi liberado para fechar a venda para o Betis, da Espanha, e o atacante Rildo, da Ponte Preta, assinará contrato depois de passar por exames médicos.

Mesmo com as tratativas avançadas, Petros resolveu atuar no último sábado, na derrota por 1 a 0 para o Santos. Terminado o jogo, preferiu não entrar em detalhes sobre sua transferência para o futebol espanhol. Até o confronto com o Figueirense, no sábado, provavelmente não fará mais parte do elenco alvinegro.

Dono de metade dos direitos econômicos do baiano, o Corinthians tem uma dívida de R$ 6 milhões com seu empresário, Fernando Garcia. O valor era justamente o que a diretoria pedia aos interessados no atleta, motivo pelo qual não rendeu frutos a investida do Flamengo.

Já Rildo chegará por empréstimo até o fim de 2016. O clube do Parque São Jorge só arcará com os salários, mas investidores pagarão à Ponte Preta para tirar de lá o atacante de 26 anos. Na negociação, o contrato do jogador com a agremiação campineira será estendido justamente até dezembro do próximo ano.

Mesmo não tendo dado grande resultado no Santos e não estar sendo aproveitado na Ponte, Rildo foi aprovado por Tite por ser uma opção de velocidade. O gaúcho conta no elenco com o muito rápido Mendoza e tem Malcom de volta da Seleção sub-20, mas não mostra disposição para usar o garoto – e outros jovens oriundos da base.

Fernando Dantas/Gazeta Press

O volante Petros deve deixar o Corinthians até o fim da semana para jogar na Espanha

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também