Com reservas, Corinthians participa de festa do centenário e pressionado ABC

Convidado pelo ABC a participar das comemorações de seus recém-completados cem anos, o Corinthians vai com uma equipe reserva ao Frasqueirão. No amistoso batizado de “Jogo do Centenário”, marcado para as 19h30 (de Brasília) de quarta-feira, Tite vai observar atletas que pouco ou nada têm atuado no Campeonato Brasileiro.

Tido como boa promessa do clube, Matheus Pereira fará sua primeira partida como profissional em Natal. Rodriguinho, cria do time potiguar, atuará diante da torcida pela qual ainda é bastante querido. E os titulares, em São Paulo, preparam-se para enfrentar o Coritiba e brigar pela liderança do Nacional.

O confronto é evidentemente visto com muito mais seriedade pelo ABC, e a vitória ganhou importância pela fase negativa. A equipe vem de uma derrota por 4 a 1 para o Paraná, em casa, que custou o emprego de Gilmar Dal Pozzo. Toninho Cecílio assumiu o comando e fará a sua estreia no amistoso.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Querido pelos torcedores do ABC, o meio-campista Rodriguinho será recebido com festa no Frasqueirão

“Para a torcida, é um jogo festivo. Para nós, é a continuidade do trabalho”, resumiu o atacante Edno, ex-Corinthians. “O Toninho vai ter um espaço legal até a sequência na Série B, e o jogo vai ser importante para ajustar tudo. A partir do momento em que entra em campo, tem que ter seriedade.”

O ABC está sem vencer no Frasqueirão há nove partidas, sete delas na segunda divisão do Campeonato Brasileiro. Triunfar sobre o Corinthians pode melhorar o ânimo no centenário e dar moral para a sequência da Série B. Hoje, o time está perigosamente perto da zona de rebaixamento.

FICHA TÉCNICA
ABC X CORINTHIANS

Local: estádio Frasqueirão, em Natal (RN)
Data: 22 de julho de 2015, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Arbitragem: não divulgada

ABC: Saulo, Reginaldo, Suéliton, Leandro Amaro e Marcílio; Fábio Bahia, Rafael Miranda e Wellington Bruno (Neto); Edno, Bismark e Kayke
Técnico: Toninho Cecílio

CORINTHIANS: Walter; Edílson, Edu Dracena, Yago e Marciel; Ralf; Rodriguinho, Matheus Pereira, Danilo e Mendoza; Romero
Técnico: Tite

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também