Corinthians empata com Goiás e desperdiça chance de alcançar o G4

O Corinthians tinha a esperança de emplacar sua terceira vitória seguida no Campeonato Brasileiro na tarde deste domingo, mas ficou apenas no empate por 0 a 0 contra o Goiás, no Serra Dourada. Ao quebrar sua série de triunfos, o Alvinegro desperdiçou a chance de voltar ao G4.

O time do técnico Tite tocou bastante a bola e criou algumas chances, mas pecou nas finalizações, parando algumas vezes no goleiro Renan. Assim, o Corinthians segue sem derrotar o Goiás no Serra Dourada desde 2001.

Com o resultado deste domingo, o Corinthians fica na quinta posição, com 20 pontos, ainda sem alcançar o G4. Já o Goiás chegou aos dez pontos e deixou a zona de rebaixamento, aparecendo agora no 16º lugar.

Na próxima rodada do Brasileirão, o Alvinegro volta a campo na quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), diante do Atlético-PR, em Itaquera. Já o Goiás tem compromisso na quarta, às 19h30, novamente no Serra Dourada, contra o Santos.

Divulgação

O Corinthians criou chances neste domingo, mas não conseguiu vencer fora (Foto: Ricardo Taves/Ag. Corinthians)

O jogo – O Corinthians começou a partida explorando as jogadas pelos lados, mas com dificuldade para levar perigo à meta do Goiás, que também exibiu pouca criatividade para responder. O time da casa teve boa chance aos dez minutos, em falta próxima da área, pela direita, mas o zagueiro Fred fez a cobrança em cima da barreira.

Aos 16, Renato Augusto enfim tentou ameaçar os donos da casa, chutando de fora da área, mas a bola foi no meio, facilitando o trabalho de Renan. A partida continuou sem emoção até o meio da etapa, quando o Corinthians percebeu que poderia insistir pelo lado direito de seu ataque, diante de uma frágil marcação do adversário. Jadson chegou pelo setor à linha de fundo e cruzou para trás, mas Malcom chutou em cima da marcação.

Pouco depois, Jadson dominou perto da meia-lua e tocou para Elias, que rolou na direita para Renato Augusto aproveitar o espaço da defesa. O meia chegou de frente para a meta e chutou na saída do goleiro Renan, que fechou bem o ângulo e fez a defesa. O Corinthians continuou encontrando facilidade para ameaçar pelo mesmo lado. Assim, aos 36, Jadson bateu falta ensaiada pela direita, rasteira e atrás da barreira. Elias chegou com liberdade e arrematou, em mais uma boa defesa do goleiro.

Antes do fim da etapa, com o Goiás cada vez mais retraído para segurar ao menos o empate, Gil recebeu cobrança de escanteio pelo alto e cabeceou fraco, nas mãos do goleiro. Já no último lance, o time paulista inverteu o lado, e Vagner Love recebeu pela esquerda, mas Renan saiu da meta para abafar.

As duas equipes voltaram sem alterações depois do intervalo, e o Goiás tentou arriscar um pouco mais. Liniker chutou de fora da área no primeiro minuto e viu a defesa de Cássio. Em seguida, o time esmeraldino tentou duas jogadas pela direita, mas nenhuma delas foi concretizada para levar perigo à meta de Cássio.

Já o Corinthians continuou trocando passes em seu sistema ofensivo, procurando a melhor forma de ameaçar os anfitriões. Sem ser muito objetivo, o time paulista esboçou perigo depois de cobrança de escanteio de Jadson, que o meia Renato Augusto aproveitou pelo alto, mas Renan segurou sem grandes sustos.

No meio da etapa, o jogo ganhou um pouco mais de emoção. Liniker fez jogada individual pela esquerda e chutou forte, exigindo boa defesa de Cássio. No lance seguinte, do outro lado, Vagner Love dominou pela direita da área, limpou a marcação para o meio e chutou perto do travessão.

Em seguida, Tite fez duas mudanças no Corinthians, tirando Vagner Love e Renato Augusto para as entradas de Romero e Danilo. Já no Goias, Felipe Menezes e David saíram, dando vagas a Arthur e Juliano. No entanto, a partida terminou sem que qualquer um dos dois conseguisse mexer no placar.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também