Elias não celebra gol contra o Fla: “Importante foi a torcida comemorar”

Elias abriu caminho para a vitória por 3 a 0 do Corinthians sobre o Flamengo, no Rio de Janeiro, e se limitou a ser abraçado pelos colegas na celebração. O jogador, que se diz corintiano de infância, preferiu mostrar respeito ao clube rubro-negro, que defendeu em 2013.

“Vai virar polêmica, já sei. O importante foi que ajudei o Corinthians a construir uma vantagem”, afirmou, ainda no intervalo. “Comemorei com meus companheiros. Eles correram ali, já sabiam. O importante foi a torcida comemorar e a gente conquistar os três pontos”, acrescentou, após a partida.

Campeão da Copa do Brasil em vermelho e preto, Elias falou nesta semana em “carinho eterno” à sua ex-equipe. Ele tem o desejo de retornar à Gávea, o que quase aconteceu neste ano, mas, na tarde de domingo, ele vestia preto e branco e teve participação decisiva.

“Não é questão de comemorar. Independentemente de comemorar ou não, tenho que fazer o meu trabalho. Eu tinha falado que, antes e depois do jogo, teria muito respeito dos dois lados. Durante os 90 minutos, tenho que defender a minha camisa”, concluiu o volante.

Divulgação/Agência Corinthians

Elias se limitou a deixar os companheiros o abraçarem após o primeiro gol (foto: Daniel Augusto Jr.)

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também