Malcom é suspeito de fraude em obtenção de carteira de motorista

Futebol – ( – Atualizado )

São Paulo (SP)


O atacante Malcom é um dos quase 5.000 motoristas paulistas que tiveram as suas carteiras de motorista suspensas pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP). O jogador do Corinthians virou suspeito de comprar a sua licença, obtida em tempo recorde – apenas 20 dias depois de ele completar 18 anos.

“Isso é crime. É possível que o cidadão seja preso. Ele vai ser chamado para depor e pode pegar de dois a 12 anos de prisão por corrupção ativa e passiva”, avisou Daniel Annemberg, presidente do Detran-SP, à TV Globo.

Além do curto período para a aquisição da carteira de motorista, Malcom levantou suspeita por registrar o seu documento em Hortolândia, município do interior, já que reside na capital. Ele ainda teria iniciado as suas aulas teóricas e práticas de direção no mesmo dia da realização dos exames médicos.

Malcom e os dirigentes do Corinthians ainda não se manifestaram sobre o assunto.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Jovem atacante do Corinthians pode pegar dois a 12 anos de prisão por corrupção ativa e passiva

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também