Tite não acha importante virar líder domingo e prioriza desempenho

O Corinthians tem a chance de assumir neste fim e semana a liderança isolada do Campeonato Brasileiro, desde que conte com um tropeço do primeiro colocado Atlético-MG. No entanto, o técnico Tite adverte que ocupar a dianteira neste momento do Nacional não é fundamental.

“Agora, isso não é o mais importante. O principal é crescer durante a competição, e as peças terem um entrosamento maior e a confiança do um contra um. Neste aspecto, gostei muito do jogo contra o Atlético-MG. Mesmo sem termos o Cássio e o Jadson, que são pilastras da equipe, nós vencemos e isso mostra a força do grupo”, comentou.

Tite sempre defende que o time precisa se manter no pelotão de frente do Brasileirão. Depois de ter vencido o Galo na rodada passada, o clube aparece com 29 pontos, na segunda posição, levando desvantagem em relação ao time mineiro apenas nos critérios de desempate.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Tite avisa que o importante é se manter sempre no grupo de cima, para brigar pelo título nas 12 rodadas finais

A equipe dirigida por Levir Culpi tem compromisso na noite de sábado, contra o Figueirense, no Independência. Assim, o Alvinegro precisa torcer por um tropeço do Galo para poder assumir a liderança no domingo, quando enfrentará o Coritiba, no Couto Pereira. Apesar de alertar que o mais importante não é ocupar o topo agora, Tite reconhece que a posição poderia ser benéfica para o moral de seu time.

“Mais do que tranquilidade, isso passa confiança. É preciso se manter no grupo de cima. Hoje, são sete equipes com pontuação muito próxima. Daqui a pouco, serão seis. E nós temos de ficar no bloco sempre de cima, com desempenho também, porque são as últimas 12 rodadas que vão definir. Quem estiver bem naquele momento, e não agora, vai chegar à Libertadores e será campeão”, comentou.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também

  • suzana bradileiro

    o q esse idiots do pai do mj tá querendo?
    fama,
    babaca