Decisivo em pouco tempo, Luciano comemora o título fora de campo

A2794F92376 1024x683 Decisivo em pouco tempo, Luciano comemora o título fora de campo
Luciano precisou se conformar em ficar fora de campo na fase final (foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

Luciano é um dos responsáveis pelo sexto título brasileiro do Corinthians. Hoje afastado para se recuperar de uma grave contusão no joelho direito, o atacante foi decisivo no curto período em que comandou o ataque do técnico Tite na competição. Marcou cinco gols em três jogos e ajudou a deixar o Atlético-MG para trás na tabela de classificação.

A última grande atuação de Luciano ocorreu em 16 de agosto, com dois belos gols na vitória por 2 a 1 sobre o Avaí, de virada, na Ressacada. Três dias depois, ele foi à Vila Belmiro para enfrentar o Santos pela Copa do Brasil e sofreu uma ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho e outra no menisco quando tentava uma jogada dentro da área.

“Não há um momento bom para lesão, mas existem coisas que Deus faz por um motivo. Não tenho palavras para dizer o que estou sentindo. Vou trabalhar, esperar, manter a calma e tenho certeza de que todo o pessoal médico do Corinthians, com muita fé, vai me ajudar a voltar a fazer o que amo”, posicionou-se Luciano, antes de ser submetido à cirurgia no joelho.

A2742F90969 1024x683 Decisivo em pouco tempo, Luciano comemora o título fora de campo
Contusão na Vila Belmiro interrompeu a melhor fase da carreira do atacante (foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

O momento de Luciano na época da lesão não era somente bom, mas o melhor de sua carreira. Desprestigiado por Tite no princípio do ano, apesar do gol que tirou do inglês Jamie Byatt no amistoso festivo com o Corinthian-Casuals, o atacante havia se encontrado como sucessor do peruano Paolo Guerrero – o paraguaio Ángel Romero e Vagner Love foram testados anteriormente na posição e não agradaram.

Como reflexo da grande fase no Corinthians, Luciano chegou a ser convocado pelo técnico Dunga para defender a Seleção Brasileira olímpica em um amistoso contra a França. Antes, foi o grande destaque do time nacional medalhista de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Toronto. “Não vou parar por aí”, avisava.

Luciano foi obrigado a parar por ali em 2015. Fora dos jogos do Corinthians no Campeonato Brasileiro, o atacante de 22 anos se conformou e restabeleceu o sorriso aos poucos durante a sua recuperação, enquanto Vagner Love enfim se firmava no seu lugar. Hoje, sem ser esquecido na festa alvinegra pelo título brasileiro, ele já vislumbra a possibilidade de ser decisivo em muito tempo na próxima temporada.

00792501 1024x682 Decisivo em pouco tempo, Luciano comemora o título fora de campo
Medalhista pan-americano, Luciano espera reencontrar a alegria em 2016 (foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

Título abre as portas da Seleção para os atletas do Corinthians



A boa campanha no Campeonato Brasileiro não rendeu apenas uma medalha para alguns jogadores do Corinthians. Badalados pela trajetória …

 

Fotos: Relembre a campanha do Corinthians no Brasileirão 2015

 

Tite não vai para a Seleção nem se for chamado, assegura Andrés



A festa do título brasileiro do Corinthians ampliou o cartaz de Tite, apontado como o nome certo para assumir a Seleção na vaga do qu …

 

Andrés Sanchez avisa que Ralf não ficará sem reduzir pedido



A noite de quinta-feira foi de festa para o Corinthians, campeão brasileiro, e para Ralf, que ganhou a incumbência de erguer a taça n …

 



Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também