Após espancamento, torcedores alvinegros serão ouvidos pela Polícia

00819528 Após espancamento, torcedores alvinegros serão ouvidos pela Polícia
Presidente da Gaviões (D) foi alvo de pancadaria na última quarta e deve ser ouvido pela Polícia (Foto:Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

De acordo com reportagem veiculada na Folha de S.Paulo nesta manhã, a Polícia Civil pretende registrar nesta quinta-feira um boletim de ocorrência sobre o episódio ocorrido na tarde da última quarta, na zona oeste da capital paulista, quando membros da Gaviões da Fiel foram espancados após participarem de reunião no Fórum Criminal da Barra Funda.

Além de registrar a ocorrência oficialmente, o regimento pretende ouvir os dois feridos na ocasião: o presidente da torcida, Rodrigo Fonseca, e o primeiro-secretário, Cristiano Morais. Os agressores não foram encontrados até o momento e nenhuma hipótese é descartada para desvendar o que aconteceu.

Ao lado de representantes de torcidas do Palmeiras e do São Paulo, a dupla da Gaviões da Fiel participou da reunião com o promotor Paulo Castilho, no Fórum da Barra Funda. De lá, foram a um supermercado e, no estacionamento, sofreram a emboscada. Diguinho teve os braços quebrados e Cristiano, os dentes.

Uma viatura da Polícia Militar chegou a ser chamada para atender a ocorrência, mas ao chegar ao local a confusão já havia terminado. Os dois feridos foram encaminhados a um hospital da região para receberem cuidados médicos.


Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também