Contra o Cerro, Tite pede mesmo nível de atuação de 2º tempo contra Santos

A2942F97954 Contra o Cerro, Tite pede mesmo nível de atuação de 2º tempo contra Santos
Tite aprovou o segundo tempo do Timão contra o Santos (Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

No domingo, o Corinthians foi derrotado pelo Santos por 2 a 0 e, com isso, perdeu sua primeira partida em 2016 e uma invencibilidade no Campeonato Paulista que durava desde março de 2014. Mesmo assim, o técnico Tite aprovou o segundo tempo do Timão e espera que a equipe demonstre o mesmo futebol nesta quarta-feira, contra o Cerro Porteño, pela Copa Libertadores.

“Temos que jogar bem, igual o segundo tempo contra o Santos. Manter o padrão. Quando oscilar, não oscilar muito. Isso vai dando confiança. Antes é jogar bem. Depois, o resultado. Este jogo pode ser até considerado um confronto direto. Vencer os dois primeiros jogos nos deixa numa boa condição. Mas é só um início bom. Tem de se confirmar”, disse o treinador.

Contra a equipe paraguaia, o Timão deverá ter força máxima, à exceção dos lesionados Elias e Marlone. Portanto, Tite deve mandar a campo: Cássio; Fagner, Yago, Felipe e Uendel; Bruno Henrique, Giovanni Augusto, Guilherme, Rodriguinho e Lucca; André.

No entanto, caso esta equipe se confirme, será apenas a segunda vez que esta formação atua junta. Na outra oportunidade, justamente contra o Santa Fé, também pela Libertadores, o Timão venceu por 1 a 0 com um gol de Guilherme. Já contra o Oeste, pelo Paulistão, o time foi quase o mesmo, mas Mateus Vidotto foi o goleiro na ausência de Cássio.

“O grande desafio da comissão é manter padrão, independentemente de nomes. É mais difícil. A equipe vai ter de rodar, dentro das dificuldades se montar. Mas já dá para ter bom padrão. A expectativa está alta, estamos em uma sequência importante, com o amargo da derrota, mas com uma lição também”, finalizou o treinador.

O Corinthians volta a campo nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), para encarar o Cerro Porteño, do Paraguai, pela quarta rodada da Copa Libertadores. O Timão lidera o Grupo 8 da competição com seis pontos, dois a mais que os anfitriões.



Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também