Felipe sofre com torcida por gol rápido, mas quer vitória a todo custo

felipe 217x360 Felipe sofre com torcida por gol rápido, mas quer vitória a todo custo
Homem de confiança de Tite, Felipe não se importa com gol no fim desde que Timão vença (Foto:Daniel Augusto Jr/Ag Corinthians)

Após se firmar no time titular em 2015, superando as críticas e conquistando a confiança de Tite e de todo o elenco, o zagueiro Felipe sofre como um torcedor ao assistir, lá de trás, às investidas do Timão ao ataque. Ainda mais agora, que vira e mexe o Corinthians busca a vitória nos acréscimos. Seja como for, o importante para ele é vencer.

Mais difícil que organizar o setor defensivo é segurar a ansiedade para comemorar um gol do time. “Não só o torcedor como a gente também quer o gol logo. Mas tem que ter paciência e trabalhar a bola. Bom que está acontecendo no final, seria ruim se tomasse no final. O jogo só termina quando o juiz apita, está saindo no finalzinho e está ajudando bastante”, comentou após mais uma vitória nos minutos finais, diante do Oeste, no último domingo.

Mesmo sofrendo para vencer o Oeste pelo estadual, Felipe crê que a vitória, ainda mais suada como foi, traz motivação de sobra ao elenco para atuar bem na quarta-feira, quando o Timão mandará seu primeiro jogo na Libertadores 2016. A última partida em Itaquera pela competição terminou com a classificação do Guarani-PAR em 2015.

“A gente está construindo aos poucos, buscando entrosamento. Foi importantíssimo, nos dá ainda mais confiança para os próximos jogos. Cada jogo é um jogo. Campeonato Paulista é um jogo, depois temos que pensar na Libertadores. Tem que recuperar bem, estudar o time e entrar pronto”, admitiu o zagueiro, que confessou sentir o cansaço com a maratona de jogos.

Acreditando que a evolução é gradativa, Felipe mal pode esperar o momento que Tite tiver todas as peças à disposição, casos dos lesionados Elias, Marlone e Rildo, por exemplo. “Ainda faltam alguns ajustes, mas a equipe base que o Tite diz é essa”, comentou, analisando o time que atuou contra o Oeste.

“Ainda tem jogadores machucados, mas a equipe é essa. Creio que o time está bem pronto para quarta-feira e para todas as competições. Em campo, ainda falta um pouco de entrosamento, mas estamos melhorando isso a cada dia. Agora é recuperar bem para estar inteiraço para o jogo da Libertadores”, ponderou o defensor, que deve ser titular no jogo desta quarta.


Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também