“Gols achados” e reservas do Corinthians preocupam Lucas Lima

Lucas Lima Ricardo Saibun 3 1024x684 “Gols achados” e reservas do Corinthians preocupam Lucas Lima
Lucas Lima fez muitos elogios ao sistema tático do Corinthians e espera por dificuldades (Foto: Ricardo Saibun)

Se no Corinthians só se fala na partida desta quarta-feira, contra o Santa Fé, da Colômbia, pela Copa Libertadores, no Santos o assunto principal já é o clássico deste domingo, na Vila Belmiro, pela 8ª rodada do Campeonato Paulista. Lucas Lima, principal jogador do Peixe, já analisa a equipe de Tite e, apesar de elogiar a postura do rival em campo, se mostra mais preocupado com os “gols achados” no fim das partidas.

“Equipe do Tite é muito boa taticamente. Sabemos que teremos trabalho para infiltrar. Equipe que não joga muito bem várias vezes, mas que acha um gol e ganha jogos. Não podemos dar bobeira para errar pouco e impor nosso ritmo jogando em casa”, disse o camisa 20.

O Corinthians está invicto em 2016. Foram sete jogos pelo Estadual e um duelo pela Libertadores, com seis vitórias e dois empates. E se não tem mostrado o mesmo futebol brilhante do ano passado, a equipe tem se caracterizado pelos gols após os 43 minutos do segundo tempo.

“Temos que entrar concentrados. Jogar os 90 minutos da mesma forma. Clássico é bom de jogar, gostoso. Temos que nos preparar bem para jogar”, avisou Lucas Lima.

A ‘boa notícia’ para os santistas é que, além do desafio desta quarta, o Corinthians voltará a entrar em campo na quarta-feira da semana que vem pela Libertadores, contra o Cerro Porteño, no Paraguai. Com isso, existe um forte indício do técnico corintiano mandar apenas os reservas para o clássico de domingo.

“O Tite ainda define quem joga, faz trocas constantes. Temos exemplo do clássico contra o São Paulo (6 a 1, no Brasileiro de 2015). Temos que focar no nosso trabalho. Fazer uma semana de bons treinamentos. Trabalhar forte, entrar ligado, independentemente da equipe que iremos enfrentar”, comentou o meia do Peixe, minimizando a escalação do adversário.

“A equipe do Corinthians é muito obediente taticamente, linha adiantada, perfeita. Defensivamente é muito difícil, tomam poucos gols. Trabalharemos para furar o bloqueio”, concluiu Lucas Lima.


Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também