Tite diz ter vetado alegria de jogadores que foram expulsos no Paraguai

Tite preferiu, na semana passada, não condenar André e Rodriguinho, expulsos na derrota por 3 a 2 do Corinthians para o Cerro Porteño, em Assunção. Na véspera da revanche, da qual não participarão os dois jogadores, o treinador contou ter vetado a alegria deles.

“O Rodrigo estava brincando com o André ali. Falei: ‘Vocês não têm nada que sorrir, têm que ficar quietinhos, com um bico desse tamanho’. Eles baixaram a cabeça: ‘Professor, a gente está triste para caramba, muito sentido, sabe que errou’”, relatou o gaúcho.

“Eles têm esse sentimento. Eu falei que eles têm que saber. Tem que doer na carne. Tem que doer. Se não, fica assim”, acrescentou, afetando uma risada. “Vocês tinham me perguntado sobre eles, precisam da notícia quentinha. Mas, às vezes, registro depois que se passam dez dias.”

00851652 1024x682 Tite diz ter vetado alegria de jogadores que foram expulsos no Paraguai
Rodriguinho e André sorriram demais para o gosto de Tite (foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

Rodriguinho e André não foram os únicos a sorrir na tarde de terça-feira. Antes de ajustar taticamente os jogadores que não estão suspensos, Tite liberou um rachão no CT do Parque Ecológico, com as habituais brincadeiras entre os membros do elenco alvinegro.

Quando acabou a brincadeira, o técnico definiu Maycon e Luciano como substitutos dos que levaram cartão vermelho no Paraguai. No novo duelo com o Cerro, o Corinthians precisa da vitória para encaminhar a classificação às oitavas de final da Copa Libertadores. Tropeço complicará a situação da equipe no Grupo 8.


Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também