Djokovic supera Monfils e vai à decisão de Toronto; Soares e Murray triunfam

000 DQ19P Djokovic supera Monfils e vai à decisão de Toronto; Soares e Murray triunfam
Número 1 do Mundo supera Federer e é o recordista de finais em Masters 1000 (Kevin Van Paassen/ AFP)

Dando fim à boa fase Gael Monfils, Novak Djokovic fez valer seu favoritismo no Masters 1000 de Toronto e venceu por 2 sets a 0. Sem grandes sustos e com 1h14 de partida, o sérvio garantiu o triunfo, aplicando 6/3 e 6/2.

Leia mais:

Ouro em 2012 nas duplas do tênis, irmãos Bryan desistem dos Jogos

Halep vence Kerber pela semi de Montreal; Keys triunfa em 50 minutos

Com o resultado, o tenista número 1 do ranking da ATP garantiu vaga na final do torneio e enfrenta Kei Nishikori neste domingo. O japonês avançou à decisão batendo o suíço Stan Wawrinka, também nesta tarde.

Apesar de sofrer no início do primeiro set, defendendo cinco break points e cedendo a quebra em um dos games, o recordista de títulos de Masters 1000 com 29 conquistas, se recuperou e impôs um forte ritmo para sair com a vitória e consequente classificação para 93ª final da carreira.

Já o francês, número 14 do ranking, dá adeus após uma boa campanha no torneio, no qual, inclusive, despachou o top 10 Milos Raonic para chegar à semifinal.

Soares e Murray garantem final brasileira nas duplas

Pelas duplas em Toronto, Bruno Soares e Jamie Murray sofreram, mas conseguiram vencer Daniel Nestor e Vasek Popsil, neste sábado. Em uma partida marcada por muito equilíbrio e momentos de superioridade para cada par, a vitória só foi garantida depois de longo super tie break, com parciais de 6/4, 6/7 (5) e 10/7.

Com o resultado, Soares e Murray deram as cores verde e amarelo para a decisão do Masters 1000. Isso porque o brasileiro Marcelo Melo, junto do croata Ivan Dodig também venceram pelas semifinais e são os outros finalistas do torneio.

Com direito a pneu, Thiago Monteiro estreia com vitória em Atlanta

Outro tenista brasileiro que entrou em quadra neste final de semana foi Thiago Monteiro, que atropelou o norte-americano Trent Bride por 2 a 0. Sobrando na partida, o jovem tenista de 22 foi soberano e, em apenas 56 minutos aplicou um 6/0 e um 6/2 para garantir vaga nas finais da fase qualificatória para o ATP de Atlanta.


Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Também